Com salários atrasados, médicos param em MT

Bandeira MTCom salários atrasados desde julho, médicos do Hospital Regional de Rondonópolis, a 218 km de Cuiabá, estão parados desde sexta-feira (7) para cobrar o repasse para a Organização Social de Saúde, que administra o hospital. Segundo o Sindicato dos Servidores Públicos da Saúde e Meio Ambiente (Sisma-MT), a greve acontece por tempo indeterminado. A Secretaria Estadual de Saúde (SES) informou, em nota, que está tomando as medidas necessárias para a regulização dos repasses.

A Sociedade Beneficente São Camilo, OSS responsável pela gestão da unidade hospitalar, informou, por meio de assessoria, que a situação foi informada ao governo do estado, em ofício encaminhado na semana passada.

Devido à paralisação, estão suspensas as cirurgias eletivas, assim como os atendimentos ambulatoriais, consultas e exames eletivos de imagem. Os serviços de urgência e emergência continuam sendo prestados normalmente.

De acordo com o presidente do Sisma-MT, Oscarlino Alves, o sindicato vem tentando, sem sucesso, uma negociação com o governo do estado para o pagamento dos atrasados.

“Precisamos de dinheiro para cuidar das pessoas, saúde não é barata. Além da falta de pagamento dos médicos, nós estamos no meio da sucata, com equipamentos sem manutenção e com hospitais sem condições para atendimento”, afirmou.

“Atualmente, o governo realmente está vulnerável, mas precisa pagar os salários de quem cuida da saúde da população, pois foi feito um contrato. Os servidores querem ajudar no enfrentamento da crise que o estado está passando, mas tudo indica que o governo não quer resolver o problema, porque os sindicatos simplesmente não são mais atendidos”, disse o presidente.

A Secretaria de Saúde argumentou que o estado está sentindo os reflexos da crise econômica nacional. “Quanto à paralisação do Hospital Regional de Rondonópolis, estamos trabalhando com todos os esforços para que os pagamentos em atraso possam ser quitados o mais rápido possível”, afirmou.

O órgão disse ainda que até a próxima sexta-feira (14) repassará para a unidade o montante referente ao repasse do mês de agosto.

Fonte: www.florestanet.com.br

Comentários

Deixe uma resposta