1º Seminário de Direitos Humanos: Conscientização no Transito e o Combate ao uso de Droga

Seminário Direitos humanos out-2014A Prefeitura Municipal de Apiacás, por meio da Secretaria de Assistência Social e Secretaria de Saúde, realizaram nesta sexta-feira, 24 de outubro, o “Seminário em Direitos Humanos”, na Câmara Municipal, com o objetivo de promover um espaço de debate sobre o tema Conscientização no Trânsito e Combate as Drogas. Participaram do evento autoridades da cidade, líderes religiosos e cidadãos em geral.

O Sr. Adalto Zago, prefeito municipal, esteve presente na abertura do seminário e lembrou a importância deste evento para a população de Apiacás. “Quero parabenizar o empenho da primeira-dama Solange Zago e da secretária de saúde Fabiana Pessoa para estarem promovendo este seminário, que tem o objetivo de sensibilizar as pessoas para o combate ao uso de drogas entre os adolescentes e adultos, e também a respeito do transito seguro, pois a prevenção ainda é a melhor atitude”. Afirma o Prefeito.

Segundo a Sra. Fabiana Pessoa, secretária de saúde, este seminário tem uma grande importância já que estamos palestrando para crianças e jovens que são os mais atingidos com o uso de drogas. “A secretaria de saúde vem trabalhando nas escolas por meio do Programa Saúde nas Escolas onde nossos profissionais fazem este alerta sobre drogas e quais as consequências que elas podem causar tanto para o organismo quanto para a questão da estrutura familiar”. Ressalta a secretária.

Quem também esteve presente no seminário foi a Sra. Solange Zago, primeira-dama e secretária de assistência social, que enfatizou ser a primeira vez que se tem um seminário sobre este tema em Apiacás, onde palestrantes de Cuiabá puderam esclarecer muitas duvidas, e prestar o apoio às medidas preventivas contra o uso de drogas e acidentes de transito, lembra que no nosso município há cerca de 20 acidentes mensais, seja por uso de drogas licitas e ilícitas, como também por imprudência, e que esta estatística tem que se reverter, pois além do ônus aos cofres públicos, existe o pior que é a dor que isto causa as famílias. Ressalta ainda ser este o primeiro passo para um trabalho continuo em Apiacás.

Assessoria de Imprensa: Driely Melo (28-10-2014)

Comentários

Deixe uma resposta