Reportagem – Ampliação e reforma do Hospital Municipal de Apiacás

ampliação prevista 335m²

ampliação prevista 335m²

Dia 09 de setembro o repórter do Jornal O Porto esteve na obra e conversou com os empreiteiros.

Pela placa de inauguração datada de 05 de fevereiro de 1994, o prédio tem mais de 20 anos e só agora está acontecendo uma ampliação e uma reforma geral. Na gestão do Tião Fera a reforma e ampliação foram projetadas, mas houve muita demora em refazer o projeto e além disso os recursos não foram liberados pelo governo Estadual. E foi nessa atual gestão do prefeito Adalto Zago é que a obra decolou, ou seja, o projeto foi aprovado e agora em julho (7) foi iniciada a obra pela empreiteira, inclusive os recursos foram praticamente o dobro do que foi previsto anteriormente. Esse recurso de R$941.983,58 refere-se a uma emenda parlamentar do Deputado Estadual Romualdo Júnior(PMDB).

No convênio assinado entre a Prefeitura e o Governo do Estado (Secretaria de Estado das Cidades-SECID) prevê 240 dias (8 mês) para a execução da Obra. A empresa Cesira Bergamini Amancio e Cia LTDA-ME (de Nova Monte Verde) foi a contratada.

Dia 9/9, ao falar com o encarregado da empreiteira Cesira, Sr. Fabiano Alves Amâncio, ele afirmou que iniciou a obra na primeira quinzena de julho, oito empregados está tocando a obra “Ala A e B”. São 599m² de reforma e 335m² de ampliação.

Parte da reforma do hospital –“Ala C” (14,75m x31m= 457,25m ²), que compreende 16 peças entre quartos e outras salas de serviços, estão sendo executada numa parceria entre Prefeitura e alguns comerciantes/ pecuaristas/pessoa física. A firma “ARP Construções” do empresário Wellington Santana Lopes – popular pipoca, é que está realizando a reforma dos quartos onde os patrocinadores banca o custo. Dia 9/9, segundo o pedreiro pipoca, a reforma iniciou em junho deste ano.

Conforme informação do pipoca, o custo da reforma de um quarto está em torno de 12 a 13 mil reais. Seis quartos já estão prontos, os patrocinadores são: Nei da Centromel, Eliezer do Auto Posto G3, Adalto Zago/Solange, Vereadores (falta confirmar o nome dos que vão participar), Del Moro Supermercados e o pecuarista José Luis. Falta 10 quartos. Afirmou.

O Nei da Centromel, Secretário Municipal de Finanças confirmou o valor custo de cada quarto (12 a 13 mil reais cada). E, que já estão na fila os novos patrocinadores da reforma de quartos: João Bosco da Loja Dom Bosco, Orlei da Loja SonhoLar/Ailton Zago da Loja Perfil Modas, Júlio da Papelaria Santa Rosa e Auto Posto Sol Nascente.

O pipoca informa que está trabalhando na reforma o pedreiro Anderson Oliveira e um auxiliar de pedreiro. Gastam em média duas semanas e meia por cada quarto. A previsão de terminar a reforma dos 16 quartos é até final do ano ou janeiro de 2015. Afirmou o pipoca.

A secretária Municipal da Saúde, enfermeira Fabiana Pessoa, está super satisfeita de ver a obra da reforma e ampliação do hospital sendo realizada. Quanto a reforma do muro do hospital a secretária Fabiana disse que no momento não tem programação.

Segue a galeria de imagem da reforma e ampliação do hospital – clique na imagem para ampliá-la:

 

Comentários

Deixe uma resposta