Greve de professores teve ínicio 12/08/2013

O Jornal o Porto, falou com o professor Diomar de Souza Santos (popular Zito) dia 29 de agosto ele fez as seguintes afirmações:

  • 90% das Escolas Estaduais estão paralizadas;
  • A greve vai continuar até que o governo Estadual esteja disposto para negociação.

Principais Reivindicações segundo estudos do Sintep (Sindicato dos trabalhadores da Educação de Mato Grosso):

  • Dobrar o poder de compra em sete anos, com 10,41% acima da inflação; (Equiparar o salário com outras categorias);
  • Remunerar hora atividades dos professores interinos(contratados).Refere as horas de Planejamento Pedagógico);
  • Aplicar 35% das receitas de Mato Grosso (Lei Estadual-MT determina 35%), atualmente só está liberando 25,8%  que preve a Lei Federal;
  • Chamar os classificados de concurso (poucos foram chamados);
  • Presidenta doSintep de Apiacás: Profª Márcia Lázara;
  • Programação do Sindicato de Apiacás dia 30/08/2013 às 16:00 hs haverá uma manifestação Público – saíndo da Escola Estadual Vinícius de Morais (professores, funcionários e alunos) para concientizar os pais e sociedade do motivo dessa paralização. Será distribuidos panfletos esclarecedor às pessoas;
  • As aulas não dadas serão repostas;
  • Respondendo à pergunta do Jornal O Porto ele afirmou que aproximadamente 50 professores das duas Escolas Estaduais de Apiacás estão participando da greve e perto de Mil e trezentos alunos estão aguardando o retorno das aulas.

Recentemente, conforme noticiou a imprensa o governador Silval Barbosa recrutou o Secretário Estadual de Educação Ságuas Moraes e o Secretário Estadual de Administração Francisco Faiad para mediar a interlocução com os grevistas.

Comentários

Deixe uma resposta