07 de maio de 2021

Governo defende o lockdown em Alta Floresta e em mais 12 cidades de MT

Divulgado na noite de quarta-feira (17), o boletim da Secretaria de Estado de Saúde que notifica casos de Covid-9 e número de mortes defende a adoção de lockdown (isolamento total) em Cuiabá e em outros 12 municípios mato-grossenses.

Essas unidades, segundo levantamento da pasta, têm risco “muito alto” de infecção pela Covid-19.

Receberam essa classificação, além da Capital, as seguintes cidades: Alta Floresta, Cáceres, Nossa Senhora do Livramento, Nova Mutum, Pontes e Lacerda, Porto Esperidão, Primavera do Leste, Rondonópolis, Sinop, Sorriso, Tangará da Serra e Várzea Grande.

De acordo com a Secretaria de Estado, o sistema de classificação foi criado para auxiliar os municípios na adoção de medidas para conter um avanço desenfreado da doença e evitar um colapso da Saúde Pública.

A classificação é feita com base nos dados de crescimento da contaminação em cada uma das cidades, na taxa de ocupação dos leitos clínicos e de UTIs para a doença na rede pública e também pelo número de casos ativos.

Quanto mais elevado o risco de contaminação, mais restritiva a medida sugerida pelo Executivo.

No caso dos 13 municípios, a quarentena é sugerida por um período de 15 (quinze) dias, prorrogáveis, de acordo com reavaliação das autoridades.

Também é recomendada para esses muncípios a realização de barreiras sanitárias para triagem da entrada e saída de pessoas, ficando autorizada apenas a circulação de pessoas com o objetivo de acessar e exercer atividades essenciais bem como a manutenção apenas de serviços públicos e atividades essenciais.

fonte: Nativa news (19-06-20).

Comentários