Esporte radical nos céus de Apiacás 10-11-2013

Esporte radical nos céus de Apiacás 

Eliezer-paramotor -Vilson 10-11-13Recentemente essa modalidade de esporte voo

livre “de Paramotor” está sendo implantado em Apiacás.

O piloto instrutor é o Vilson. Ele informou que Apiacás tem 5 alunos inscritos, Eliezer do Posto G-3, Adalberto Falasca da Droga Mais, Roberto do Supermercado Liderança, Alemão da Matsuda e Dirceu Trindade lá do Arumã. O curso é possível fazer em 3 a 4 meses. Custo 3 mil reais. O equipamento fica em torno de 18 a 20 mil reais. Eliezer já adquiriu o seu equipamento e Adalberto e Roberto já estão fazendo cotação para comprar seus aparelhamentos.

Segundo o piloto Vilson, trata-se de um equipamento de simples manutenção. A asa(parapente) tem duração de 10 anos e o motor dá para fazer 500 a 600 horas de voo (mais ou menos 2 anos). Daí precisa fazer o motor. Usa-se gasolina de avião. De manhã e a tarde são horário bom para voar, devido ter melhores ventos.

Treinamento dia 10 de novembro no Aeroporto à tarde, Eliezer tentou umas par de vezes levantar sozinho, mas não estava conseguindo, o piloto veio levantou duas vezes sem erro e depois deu uma ajudinha ao Eliezer daí ele decolou e sobrevoou nossa cidade.

O repórter do Jornal O Porto acompanhou o treinamento e percebeu uma grande colaboração dos colegas do curso ao Eliezer entre outros. Também o Jornal O Porto tomou conhecimento que o Alemãozinho já passou um pequeno susto, desceu pro chão sem querer. Geralmente isso ocorre por falha humana, afirmou os colegas que viram o Alemão cair.

Telefone para contato do Vilson: (66)3525-1334  e 8429-4184, 9283-4218.

Comentários

Deixe uma resposta