Secretaria de Agricultura de Apiacás incentiva a produção leiteira do município (05-05-2014).

Marcelo e Leandro

Marcelo e Leandro

Bacia leiteira é uma área de produção formada por várias propriedades agrícolas que se dedicam à atividade de produção leiteira, em uma localidade e que se juntam para destinar sua produção a um centro de consumidor.

Levando isso em consideração a Prefeitura Municipal de Apiacás através da Secretaria Municipal de Agricultura vem incentivando a produção leiteira através de fomento a inclusão produtiva e a geração de renda para os agricultores inseridos na atividade, só esse anos os produtores já tiveram um aumento de mais de 60% do valor do litro entregue para os laticínios da região.

Para o secretario de Agricultura Marcelo Soares “É necessário estimular o produtor a se tornar um empreendedor competitivo dentro do mercado, buscando o retorno de cada valor investido no empreendimento. A cadeia produtiva do leite tem como horizonte a serem atingidos, primeiramente, a questão da comercialização, pelo fato desta ter assumido papel central nas discussões e o planejamento de atividades a serem desenvolvidas dentro do projeto, uma vez que os produtores apiacaenses têm como objetivo a obtenção do maior lucro possível, e o preço a ser pago pelo leite torne-se a primeira referência na formação de suas expectativas de lucro. A quantidade produzida e a qualidade do produto também devem pautar as preocupações do setor, visando uma melhor obtenção de preço, mas sendo que tudo isso vem em consequência direta do preço pago pelo produto”.

Foram feitas varias reuniões com os diretores dos laticínios e com os produtores aonde se chegou a um preço aprazível tanto para o produtor como para as empresas que compram esse leite.

Ainda segundo o secretario de Agricultura o momento agora e de cautela e de negociações para que se chegue a um valor para o período seco e que o programa de incentivo a produção leiteira do município continua com outros programas como compra em conjunto de ração, ordenhas e resfriadores, diminuindo assim o custo de produção, bem como já estão programados vários cursos voltados a produção leiteira.

Atualmente segundo o Secretário Marcelo o preço do leite para o produtor está na faixa de R$0,75 a R$0,80 o litro e a partir de julho começa a nova rodada de negociações com os laticínios.

Assessoria de Imprensa: Drielly Melo/Redação(05-05-14)

Comentários