09 de agosto de 2022

BC lança expansão nacional do programa Aprender Valor

Parte da Agenda BC#, dimensão Educação, iniciativa presta apoio a Secretarias de Educação na implementação do ensino da Educação Financeira nas escolas públicas de Ensino Fundamental.


O Banco Central (BC) promoveu, nesta segunda-feira (31/5), o lançamento da expansão nacional do Programa Aprender Valor. A partir de hoje, qualquer escola de Ensino Fundamental da rede pública poderá aderir ao programa. Com o objetivo de apoiar Secretarias de Educação e escolas na implementação do ensino da educação financeira e da educação para consumo nas escolas públicas de Ensino Fundamental, o Aprender Valor está sendo implementado em caráter experimental em todas as regiões do País. 
“Temos a confiança de que, mesmo em meio às adversidades, o tema Educação Financeira tem crescente importância em nossa sociedade. Após mais de um ano de projeto piloto, é com grande satisfação que nós anunciamos a expansão nacional do programa Aprender Valor”, afirmou Maurício Moura, Diretor de Relacionamento, Cidadania e Supervisão de Conduta do Banco Central.
Com este passo, completou, “abrimos a real possibilidade de atingir a 22 milhões de estudantes do Ensino Fundamental das escolas públicas de todo o país, beneficiando gestores, professores e estudantes”. Segundo ele, “a cada estudante alcançado e a cada família beneficiada, nós construiremos juntos uma sociedade formada por cidadão financeiramente autônomos, conscientes e responsáveis”.  
Os projetos foram construídos para aplicação em sala de aula, de forma presencial, pensando na realidade da maior parte das escolas brasileiras. Com a pandemia de Covid-19 e a suspensão das aulas presenciais, alguns projetos foram adaptados para o ensino remoto. Essas versões adaptadas trazem orientações para três modalidades de interação entre professor e estudantes: síncrona, assíncrona e envio de material, em formato digital ou impresso.
Para Paulo de Tarso Campolina, Diretor do Departamento de Projetos e de Políticas de Direitos Coletivos e Difusos da Secretaria Nacional do Consumidor do Ministério da Justiça e Segurança Pública, que preside também o Conselho Federal Gestor do Fundo de Defesa dos Direitos Difusos, Aprender Valor é uma iniciativa histórica. “Quando investimos em crianças, não tenho dúvidas dos resultados positivos que serão alcançados. A formação de jovens brasileiros que tenham noções de finanças pessoais e de finanças públicas representa um caminho de futuro melhor para todos nós”, afirmou.  
A professora Lina Kátia Mesquita de Oliveira, Diretora Executiva do Centro de Políticas Públicas e Avaliação da Educação da Universidade Federal de Juiz de Fora (CAEd/UFJF), destacou a importância do programa e agradeceu ao Banco Central por seguir a Base Nacional Comum Curricular (BNCC). “Educação é algo muito complexo, principalmente quando se fala em educação para todos. E, quando falamos em educação para todos, falamos na BNCC”, disse. De acordo com ela, o programa Aprender Valor “já traz sua importância no nome: aprender um valor que vai ficar pra vida das pessoas. Um valor que vai contribuir, de forma incisiva, para garantir o direito de um cidadão crítico e participativo intervir na sociedade de hoje”.

Mauricio Moura, diretor de Relacionamento, Cidadania e Supervisão de Conduta do BC, no lançamento da Expansão Nacional do Aprender Valor.

Mais números
Para viabilizar a implementação do programa na sala de aula, professores, gestores e técnicos estão sendo capacitados. Mais de 1,2 mil profissionais já concluíram ou estão concluindo os módulos das formações do Aprender Valor disponíveis.
O programa tem mais de 6.300 profissionais e 30 mil estudantes cadastrados na plataforma do Aprender Valor, em 429 escolas de 257 municípios nas seis unidades da Federação participantes da etapa piloto.
O Aprender Valor faz parte da Agenda BC#dimensão Educação, e conta com o financiamento do Fundo de Defesa de Direitos Difusos (FDD) do Ministério da Justiça e Segurança Pública e com a parceria do Centro de Políticas Públicas e Avaliação da Educação da Universidade Federal de Juiz de Fora (CAEd/UFJF).
Também participaram do evento virtual de lançamento da expansão nacional do programa: Josué Modesto Sobrinho, secretário de Estado da Educação de Sergipe, líder da Frente de Trabalho do Financiamento do Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed); Marli Regina Fernandes da Silva, Dirigente Municipal de Educação de Apucarana (PR) e Presidente da Regional Sul da União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime); e professora Luiza Aurélia Costa dos Santos Teixeira, Presidente da Undime/CE.
Confira como foi o evento de lançamento pelo Canal do BC no YouTube.
Para mais informações, faça o cadastro em  https://eventos.bcb.gov.br/6eae3WMv/aprendervalor

Comentários